Miley Cyrus está em todos os lugares em razão da sua separação de Liam Hemsworth e sua viagem em seguida para Lake Como com Kaitlynn Carter. Nós todos vimos as fotos de biquíni e barcos repetidamente. Uma vez que o mundo parou para olhar o abdômen da popstar (wow) e preencher sua seção de comentários com o emoji chama, ficou óbvio que Cyrus não está apenas tendo um #HotGirlSummer, ela está no auge de sua mais recente transformação.

Apresentando Cyrus, a rockstar, com toda a atitude e todo o couro (a maior parte vegano) para provar isso. Nós assistimos a rainha da metamorfose crescer da Disney para uma artista hiper-sexualizada, rebelde e que está de volta às suas raízes musicais, com muitas fases ao longo do caminho – e dessa vez nada menos que cativante.

Vamos voltar à criação da última personalidade de Cyrus: o lançamento de She is Coming, o primeiro EP de três que, então, formará seu sétimo álbum de estúdio, She is Miley Cyrus, que está marcado para lançamento antes do final do ano. A capa do álbum – uma foto em preto e branco da cantora de 26 anos usando um jeans rasgado e um top “Never Mind The Bollocks”.

Pouco depois, Cyrus tocou em Glastonbury (um prestigiado domingo a tarde com lendas, seguida de Kylie Minogue) e se lançou de volta para a mídia com a ajuda de um par de vinis de Maison Margiela. “De muitas formas, este show mudou drasticamente minha vida”, ela disse à multidão. “Foi muito trabalhoso, muita dedicação e muito sacrifício. ” Enquanto ela girava em torno do palco em seu novo traje sujo, você não podia deixar de acreditar nela.

No caminho para a sua próxima encarnação, Cyrus parou de trabalhar com a sua estilista de anos Simone Harouche – a mulher que a ajudou a deixar os dias de Hannah Montana para trás – conseguiu um novo estilo, um estilo de cabelo bagunçado de cortesia de Justin Anderson, e depois forjou uma aliança criativa com Bradley Kenneth. O designer, que manda nos óculos, criou o thigh-high, as botas que Cyrus não tira desde o festival e é creditado por ser o estilista da cantora de Wrecking Ball nas suas apresentações desde então. Ele inclusive se juntou a Cyrus na Itália com Cartes, e orquestrou fotos dela usando Versace com correntes da Chanel, colares da era Galliano e Dior, cintos personalizados em ouro da Gucci e muitas outras jóias. “Muita Versacheeeeeeeeeee”, lemos em uma das fotos. “Me silencie se não quer eu que te encha de SPAM”, seguida desta. Mas estávamos compenetrados.

O novo armário de Cyrus está centralizado com duas construções: mostrando bastante a pele e bem chamativa. Ela não perdoa pelo tanto de ouro que está usando, quanto está mostrando e o fato de não lavar seu cabelo há dias. Ela parece livre e pronta para seu próximo capítulo – que ela já se mostrou a par em posts nas redes sociais, como “novo dia, nova aventura” – e como uma fabulosa Versace.

Estamos finalmente vendo a verdadeira Cyrus por trás da fachada? Talvez a gente nunca saiba, mas esperamos que o sol não se ponha tão cedo na sua fase punk rock.

Fonte: Vogue UK | Tradução: Débora Brotto – Equipe Miley Cyrus Brasil