13.06.2015

029

Bristol Palin, filha da ex-governadora do Alasca, Sarah Palin, mostrou-se incomodada com as declarações de Miley Cyrus para a Paper Magazine. O problema está no fato de a cantora ter afirmado que é uma pessoa que não julga as demais, mas “mantém um desprezo particular por legisladores fundamentalistas que lutam contra mudanças progressivas e que podem mudar a vida da comunidade [LGBT]”.

“Sou só eu ou parece um pouco falso que alguém que diz aceitar tudo e todos julgaria seus próprios pais e suas crenças religiosas?”, escreveu Bristol em seu blog. “Ela quer que todos a deixem ser ‘livre para ser Miley’, mas parece indisposta a oferecer o mesmo respeito a seus pais e àqueles que querem viver sua fé cristã. Obrigada por nos dar o melhor exemplo do que ‘tolerância’ é em Hollywood: algo muito parecido com o desprezo.”

Fonte: Billboard


Publicada por: Miley Cyrus Brasil
relacionado
05.08.2020
relacionado
17.07.2020
relacionado
15.07.2020
relacionado
15.07.2020
comente a postagem!